Portuguese English French German Italian Spanish

  Acesso à base de dados   |   email: qualfood@idq.pt

AESA dá luz verde a leite tratado com luz ultravioleta

A Autoridade Europeia para a Segurança dos Alimentos (AESA) deu luz verde a leite tratado com luz ultravioleta, com o objetivo de aumentar as concentrações de vitamina D3 e prolongar a vida útil.

O novo alimento seria de leite de vaca, inteiro, semidesnatado ou desnatado, o que implica um tratamento com radiação ultravioleta (UV) depois da pasteurização de forma a prolongar o prazo do leite, o qual resultaria num aumento das concentrações de vitamina D3.

A AESA considera que os dados proporcionados no processo de produção são suficientes e não dão lugar a problemas de segurança, que é pouco provável reduzir os níveis de consumo tolerável estabelecido que o novo alimento não é nutricionalmente desvantajoso, que não há problemas de qualidade microbiológica e que o risco de reações alérgicas não é muito diferente ao que se associa ao leite convencional.

 

Fonte: Agronegócios