Portuguese English French German Italian Spanish

  Acesso à base de dados   |   email: qualfood@idq.pt

Fabricantes de bebidas alcoólicas colocam sinalética sobre restrições de consumo nos seus produtos

Alguns dos maiores fabricantes de bebidas comprometeram-se a colocar indicadores de restrição de idade de consumo em todos os produtos que vendem globalmente.

A International Alliance for Responsible Drinking (IARD), que congrega empresas como a Pernod Ricard, AB InBev, Brown-Forman, Heineken, Beam Suntory, Molson Coors e Heineken, entre outras, quer, com esta iniciativa, passar uma mensagem clara de que as bebidas alcoólicas não são para o consumo de menores. Além disso, os membros desta aliança comprometeram-se a tomar mais medidas para prevenir que os menores vejam ou interajam com as suas marcas online e colaborar com os operadores de e-commerce para a implementação de standards globais, relativamente à venda online e entrega de bebidas alcoólicas.

Os grupos acordaram cinco medidas para acelerar a redução do consumo de álcool por parte de menores. “Estas cinco ações marcam um passo em frente para atingir a nossa meta de eliminar o consumo de álcool por menores de idade”, afirma Albert Baladi, presidente e CEO da Beam Suntory e porta-voz da IARD. “Os menores não devem beber bebidas alcoólicas e apoiamos proactivamente o reforço da legislação quanto à idade para compra e consumo. Apesar deste consumo ter diminuído em muitas partes do globo, a tendência não é universal. Queremos acelerar o progresso e trabalhar em conjunto para eliminar o consumo de álcool por menores em cada comunidade, através de uma abordagem social holística”.

Fonte: Grande Consumo