Portuguese English French German Italian Spanish

  Acesso à base de dados   |   email: qualfood@idq.pt

No seu parecer científico sobre o milho MIR162, geneticamente modificado para ser resistente a insetos, o Painel dos OGM da Autoridade Europeia para a Segurança Alimentar (EFSA) diz não ter encontrado provas de novos perigos. Na sequência do pedido de renovação da autorização para utilização…
Desenvolvido durante três anos na província chinesa de Jilin, o estudo concluiu que as duas variedades de milho GM estudadas não tiveram qualquer efeito nas comunidades de artrópodes nos campos testados. As variedades de milho GM testadas – DBN9868 e DBN9936 – foram plantadas anualmente…
O cultivo do milho geneticamente modificado “não tem praticamente nenhum impacto na abundância ou função ecológica dos insetos não alvo”. Esta é uma das principais conclusões de uma extensa revisão da investigação sobre os impactos do milho GM. Na mesma revisão, que foi publicada no …
Regulamento de Execução (UE) 2022/169 da Comissão de 08 de fevereiro de 2022 que autoriza a colocação no mercado das formas congelada, desidratada e em pó de tenébrio (larvas de Tenebrio molitor) como novo alimento ao abrigo do Regulamento (UE) 2015/2283 do Parlamento Europeu e…
A DGAV elaborou o Esclarecimento Técnico N.º 1/DGAV/2022, onde se pretende elucidar os Operadores Económicos relativamente aos requisitos aplicáveis aos Estabelecimentos que produzam e comercializam alimentos para consumo humano que incorporem insetos ou produtos à base de insetos. Neste Esclarecimento, entre outros aspetos, é feita…
Foi publicado o Regulamento de Execução (UE) 2021/1975, de 12 de novembro de 2021, que autoriza a colocação no mercado das formas congelada, desidratada e em pó de Locusta migratoria como novo alimento ao abrigo do Regulamento (UE) 2015/2283 do Parlamento Europeu e do Conselho…
Desenvolver a investigação e a produção de insetos é o objetivo do consórcio formado por 38 entidades nacionais, que pretende investir 57,4 milhões de euros em quatro anos. “Colocar Portugal na vanguarda da indústria de insetos” é o propósito deste consórcio, segundo anunciado em comunicado.…
A Comissão Europeia deu por encerrado o procedimento de autorização de colocação no mercado da União, como novo alimento, de insetos da espécie Schistocerca gregaria, sem que estes tenham sido incluídos na lista da União dos novos alimentos autorizados, uma vez que o pedido não…
No intuito de informar os operadores pecuários, os operadores das empresas do setor alimentar e/ou os seus interlocutores, bem como o público em geral, divulga-se a Nota Informativa Conjunta DGADR e DGAV – NREAP N.º 20/2021 – Licenciamento das atividades de produção de Insetos de…
De acordo com o Regulamento dos Novos Alimentos (Regulamento (UE) 2283/2015), os insetos são um novo alimento pelo que requerem uma autorização de comercialização da Comissão Europeia para serem colocados no mercado. A Direção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV) autorizou o consumo de sete espécies…